Black Sabbath - Live Evil - Remaster - Collectors Edition - FLAC-Repost Novo Link

Ai Putada - Repostado com novo Link











Da Série vai enchendo o Hd vai....


Overdose de Sabbaths ao Vivo


Ai putada, com este aqui continuo a overdose de Sabbaths
Quando esse aqui saiu em LP eu quase pirei, era a primeira vez que se via uma gravação
decente ao vivo do Sabbath, e era o ultimo dos grandes grupos a lançar um ao vivo oficial (O Live at Last ainda é considerado semi-oficial)
O título é bem interessante, senão vejamos:
Live Evil (O Mal Vive), mas note o seguinte:  Evil  é ao contrário de Live
A capa: Cada música constante no cd é representada por um personagem diferente
O único senão desta edição (se é que podemos dizer) isso é o seguinte:
Os originais em vinil e em cd eram Duplos, e se fosse editado em um cd simples, extrapolaria o máximo de tempo permitido no cd
Então, cortaram partes das falas entre músicas, como por exemplo, antes da NIB o Dio Berrava "Geezer Butler..." e ele começava a introdução no baixo
Eu possuo as duas edições, mas preferi postar esta pela qualidade da remasterização, conteúdo no livreto, e os cortes em nada interferiram nas músicas, estas sim, completas, sem corte algum
Só os mais puristas reclamariam, mas pelo menos o preço é mais acessível
Bom comentar o conteúdo e a qualidade da banda, é bobagem, só clássicos e excepcionalmente bem gravados
Como sempre, na pasta covers, estão todas as artes completas, sem corte algum
Ai aquele blablabla de ripado em flac......etc,etc


Beijos e funiquem-se ai baixando esta porra aqui

Novo Link


Comentários

  1. PV vai a historinha desse disco:
    Em 1985, o rock in rio, foi o grande culpado, num belo dia de sabado, o pessoal de uma FM da cidade gravou o audio da tv e jogou na radio, ao ouvir AC/DC e Ozzy minha vida mudou. Anos mais tarde, comprei um duplo, ao vivo do Ozzy, o Speak... só com musicas do Black Sabbath, chapei, era bom demais, mas achava estranho não achar nada do Sabbath ao vivo, tempos depois achei o Live Evil, e comprei no ato. Fiquei babando na capa por um tempo, mas não sei porque, o disco não emplacou. Gostava mais do disco do Ozzy. Outra coisa tinha me decepcionado, apesar da capa ser bem elaborada, não era um album, que abria para o disco 1 e 2. Era uma capa unica, como se fosse um disco simples. Muito tempo depois, um colega de um colega que encontrei na casa de outro colega, me aparece com uma versão que abria!!! Caralho, fiquei louco, raiva, sacanagem, quis comprar, quis saber onde achar, quis trocar, e o fdp me sacaneou. Depois ja em cd, pude ver as informações "preciosas" que meu vinil não tinha, mas o disco continuou sem emplacar. Com o tempo a gente fica sabendo das historias que envolveram esse disco, que sempre me deixou a sensação de estar faltando alguma coisa, dizem que falta o publico gritando, coisa que no Speak tem de sobra... De qualquer forma, esse é um disco que não pode faltar na coleção de um roqueiro de verdade.
    PS: Apesar de não ser grande fã desse disco, eu tenho o vinil e o cd até hoje, é parte da herança.
    PS2: A versão da musica Black Sabbath é, na minha modesta opinião, a melhor de todas, a mais sinistra.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Ai Decker
    Esta vagabunda aqui estava lá, mais precisamente no dia 17 de janeiro de 1985
    Caralho, foi foda, sai de sampa as 24:00 de busunca, e só fui dormir no domingo à tarde quando voltei para casa
    No meio da falta de estrutura total, um barro fedorento cheirando a merda e a mijo, mas valeu o esforço para ver Ozzy,Ac/DC/Scorpions/Whitesnake, não ver o "rei" do rock brasileiro, "Erasmo Carlos", que si cagou de tanto nego paulista tudo vestido de preto, com cara de Serial Killer/Estupradores. e o
    Robertinho de Recife a a ex-muié dele, Baby,barriguda, xingando que a gente só gostava de americano (tinha algum grupo americano lá????), e se desviando dos tenis e latas de cerveja , mas foi só meia hora de suplício
    Escolheu bem,hein....Killer é foda

    ResponderExcluir

Postar um comentário